TRIBUTO A ANNABELA RITA
Org. Isabel Ponce de Leão


Aqui começa a revolução operada por Annabela Rita: lendo e analisando o texto, não o eleva a rei e senhor da interpretação, não o torna um “monumento histórico”, fixo, cristalizado, deste partindo e a ele regressando, mas, usando-o como motor caleidoscópico, relaciona-o (1) com os diversos patamares do horizonte estético e cultural da sua época, como o pensamento mítico, o identitário, a pintura, a arquitectura monumental ou histórica, a fotografia, o cinema, os complexos comportamentais ou hábitos e costumes … (2) depois, ou em simultâneo, opera analogias e comparações com outros horizontes estéticos e culturais de épocas diferentes.  Miguel Real


 

ABERTURA: EM PROL DA LITERATURA 

De viva-voz:

Annabela Rita / Pró-Autor

Estela Guedes /Annabela Rita, uma escritora em acção”  (entrevista, no Youtube)

Site de Annabela Rita / https://sites.google.com/site/annabelarita1/

 

Na letra

GPS para uma geografia incerta

Diário de Bordo. Da acostagem: processo e lugares

“Gatilhos mentais”:  Persistência da Memória

Estereótipos & preconceitos

Moldura

 

BREVES & LONGAS

Estela Guedes / Annabela Rita no País das Maravilhas

Miguel Real / Novas Breves & Longas no País das Maravilhas

 

FOCAIS:

Eça de Queirós Cronista entre olhares

Miguel Real / Entre a crónica e o romance

Maria Manuel Lisboa / Eça de Queirós cronista

Miguel Real / Uma nova forma de análise literária

Miguel Real / Sobre o cânone

 

 ITINERÁRIO PELAS LETRAS & ARTES

Teolinda Gersão / Apresentação de dois livros de Annabela Rita

Fernanda Santos  /  ‘Cartografia’ da obra de Annabela Rita

Liberto Cruz /  No Fundo dos Espelhos

Ildásio Tavares / As emergências de Annabela

 

NO DIÁLOGO INTERARTES…

Fernando Cristóvão / O cânone entre a estese e a antropologia

Daniela Marcheschi / Literatura, cultura: futuro, na verdade

Miguel Real / Literatura, história e cultura & uma nova forma de análise literária

Isabel Ponce de Leão / Do que passou a existir

 

… E EM PONTO DE FUGA

Evocação: “Portugal, ‘rosto’ da Europa”, comunicação de Annabela Rita, em:

https://youtu.be/rdCLCJyRQcY

José Carlos Seabra Pereira  / Variações in hoc signo

Francisco José Vilas Boas Senra de Faria Coelho / Buscando no sfumato. Figurações in hoc signo

Dionísio Vila Maior / Cânone, identidade e o sfumato cirúrgico de Annabela Rita

 

PINTURA DE  AR 

João de Melo / “Dos elementos” (catálogo de uma exposição)

/ ANNABELA RITA: CORES (triplov.com)

/ A NEGRO E A COR (triplov.com) 

 

ORIGEM DOS TEXTOS


revista triplov

SÉRIE VIRIDAE .ANNABELA RITA

portugal . julho . 2022