Procurar textos
 
 

 

 

 

 




 



******************************Eugénia Vasques
 

Reflexões sobre escritas [de teatro].
VERÓNICA, nº 1 - REVISTA DE TEATRO DO CETI Em:

http://veronica.estc.ipl.pt/numeros/numero_1/03_eugenia_vasques.pdf

2009
A Crise Realista: A Desmaterialização do Teatro
e a Responsabilização do Espectado
r
Díptico Familiar
O Papel do Poema «Correspondances»
no Teatro de Vanguarda dos Séculos XIX e XX
AUTO-RETRATO DA BOBA
ou A NOITE E O MEDO
Ladies Voices/ Vozes de Senhoras, de Gertrude Stein
Escrita como «Paisagem»: A «Essência» do «Acontecimento»
“Um Caso de Teatro Político:
O «Teatro de Ambiente» de O Bando

Armando Nascimento Rosa:
5 anos de Teatro Representado

 
Textos de "João Mota, o pedagogo teatral"
 
"João Mota", um livro em acto: Maria Estela Guedes
"Mulheres que escreveram teatro": Maria Estela Guedes 
 
 
Eugénia Vasques nasceu em Coimbra em 1948. Viveu e estudou em Paris (Universidade de Paris VIII) entre 1970 e 1975. Concluiu o curso de Formação de Actores/Encenadores no Conservatório Nacional de Lisboa. Licenciada em Línguas e Literaturas Modernas (Português-Francês) pela Universidade de Lisboa, leccionou em SãoTomé e Princípe e obteve o Doutoramento em Hispanic Language and Literature na Universidade da Califórnia, Santa Barbara, EUA, com equivalência a Estudos Portugueses pela Universidade Nova. É professora-coordenadora na Escola Superior de Teatro e Cinema, onde lecciona Teorias da Arte Teatral, Análise de Texto e seminários no âmbito da crítica e dramaturgia. Crítica de Teatro, no semanário Expresso, desde 1985, tem escrito centenas de artigos e ensaios, maioritariamente sobre artes performativas contemporâneas e sobre mulheres. Traduziu teatro e, entre outros estudos, publicou os volumes Jorge de Sena: Uma Ideia de Teatro 1938-71, Considerações em Torno do Teatro em Portugal nos Anos 90: Portugal/Brasil/África, Mulheres Que Escreveram Teatro no Século XX em Portugal.
   
   

 

 

 


hospedagem
Cyberdesigner:
Magno Urbano