Procurar textos
 
 

 

 

 







ROMILDO SANT'ANNA..

 
Millôr Fernandes
Da intermitente morte
Graciosa Madalena
2012
Um cântico aos galos
Apadrinhador e apadrinhados
Fim do mundo
Que mané-pinguim!
A pele da serpente
A onda bullying

A soldado feminino

Tomadas com três furos
2011
Bandoleiros coloridos
País dos bruzundangas
Dom Quixote e os governantes
Nos teatros da vida
Minha Final de ‘70
Cantadores do outro mundo

Bastardos inglórios

As duas margens do rio
Velha estação
2010
Irmãos de sangue
Mascando clichês
Esgueirada por venezianas
É junho e o coração incendeia
Por falar em Blu-ray
Esgueirada por venezianas

Silva e o trem caipira

Centenário do artista

Centenário de José Antônio da Silva

É pau, é pedra, é a ortografia...

2009
O dia depois do Natal
Moda caipira e o outro mundo
Pequeno manifesto sobre a cultura
O melhor mau-humor do mundo
O engenho de Zé Lins
Sobre naïfs e que tais
Santinhos
Historinha italiana
Ilha Grande e os lazaretos
Literatura cinematográfica
Revolução dos bichos
Brincando nos campos do Senhor
Como não pagar o impagável
Navios-fantasmas
Reforma ortográfica
Correio, mas eletrônico
É tudo verdade... (convite)
Rechonchudos teens
Noite de autógrafos com atriz declamando
Silenciosos jogos da barbárie
A Cruz
O barbudo
Inveja
Cantiga de esponsais
José Martí
Por que ler os clássicos

2008

Férias da seleção
Victoria de mierda
“Tropa de Elite” e a cabeça do brasileiro
Nheengatu
Mangando di eu
Empurrando cavalinhos
Dalva & Herivelto
Imperador da Bahia
Chaveiro do céu
J. Hawilla
Dinorath e o trabalhador
Zeróis palacianos
Jornalismo e realidade virtual
Millôr Fernandes
Em palpos de aranha
Da intermitente morte
Livros à mancheia
Elsa & Fred, o novo cinema argentino
A educação e o novo presidente
2007
De Santiago do Chile
A Descoberta do Silva
Quem é o mais sanguinário?
Telemarketing e aporrinhações
Caetano, redescobridor e tesudo
O Companheiro
Com quem andarás?
O clube dos eleitos
E por falar em música sertaneja
Outra vez, o fim do mundo
Os bilionários e suas culpas
O mano Pelicano
Fábula do ódio caímico
Superman, aventuras, venturas e desventuras
 
A INESQUECÍVEL FINAL DE‘70
“CARIOCA”. É CHICO DE VOLTA
MEMÓRIA DE MINHAS PUTAS TRISTES
ARQUITETURA DA DESTRUIÇÃO
J. PINTO FERNANDES E A QUADRILHA
MARAVILHOSA CARTILHA SODRÉ
JUDAS EM NÓS
MÍSEROS E ORDENADOS
ZÉ FORTUNA E GUARÂNIAS EM BRASILEIRO
A PROCURA DE DEUS
RIDÍCULOS TIRANOS
OS JORNALISTAS DE BALZAC
ADONIRAM E UMA AFLIÇÃO RESIGNADA
COMIDAS E VIDAS DE CACHORRO

VOCÊ VIU KOYAANISQATSI?

CARNAVAL E GANDAIA
JUSTIÇA E IGUALDADE
SUPREMO TRIBUNAL
LEMBRANÇAS DE DARCY
OS BRUZUNDANGAS
SERTÕES E GUERREIRAS DONZELAS

...VÓS FUMÁVEIS

MUSAS DO MENSALÃO
BRUTA CONSTIPAÇÃO

PANTALEÃO E AS VISITADORAS

PEQUENA ENCICLOPÉDIA
VAMO BATÊ LATA
DEAMBULANTES CAMELÔS
BRASIL É VERMELHO
TOSCANO
A ROSA
ABRASASAS
RUAS E NOMES
CÓDIGO DA VINCI
MANUAL DO BLEFADOR
GRACIOSA MADALENA
CELSO CARAN
AS INVASÕES BÁRBARAS
DISCUSSÃO DE ACARAJÉS
É TUDO VERDADE
NEGROS BLUES
BUSH, O ELEITO
GINGER & FRED
A DOR DE CLARICE

ANJOS CAÍDOS
OS QUE VÃO PERDER
ADOCICADOS PRONOMES

DE MODAS E CAIPIRAS
SILVA EM 55 LUZES
DAS FLORES CALMAS DO IPÊ
A CEIA
GENTES E BOIS
CRÔNICA DE PARAFUSOS
O CORAÇÃO DO SILVA
PARNASO 78RPM
SAGARANAS SÓ DE BOIS

O SILVA E AS DROGAS
SERTÃO NA CIDADE
A FOREIGN SOUND
FALA, LUIZ!
DINORATH NAS AMÉRICAS
DINORATH E O DIA DO TRABALHADOR
VIOLINHA DE COCH
O
CRIADORES DE SACIS
SOBRENOMES APELIDO
S

CAETANO, UM ARTISTA NA MÍDIA:
O SENSÍVEL, O ERUDITO E O POPULAR (1-2)

LIBERDADE É AZUL - MARIA ESTELA GUEDES
MARAVILHOSOS RETORNOS
PIAZZOLLA, 20 ANOS
HISTORINHA DA CIVILIZAÇÃO
HOMEM-ARANHA
TRANSBRASILIANAS
O DONO DA NOITE
OUTRA HISTÓRIA DE AMOR
O CRIME DO PADRE AMARO
O FOCA
MASCANDO CHICLETES
JOÃO PINGUINHA
A CHARRETE DO BUCHEIRO
CRÔNICA DE ESQUISITOS
CARAS E NOMES
CRÔNICA DE ARTES E ARTISTAS
ABOBRÃO, NÓS GOSTAMOS DE VOCÊ
HORA FANTÁSTICA
ENTREGADOR DE FOLHETOS
ELEONOR RIGHBY NO SOLO SAGRADO

Romildo Sant'Anna, escritor e jornalista, é professor do curso de pós-graduação em "Comunicação" da Unimar - Universidade de Marílía, comentarista do jornal TEM Notícias - 2" edição, da TV TEM (Rede Globo) e curador do Museu de Arte Primitivista 'José Antônio da Silva' e Pinacoteca de São José do Rio Preto. Como escritor, ensaísta e crítico de arte, diretor de cinema e teatro, recebeu mais de 40 prêmios nacionais e internacionais. Mestre e Doutor pela USP e Livre-docente pela UNESP, é assessor científico da FAPESP (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo). Foi sub-secretário regional da SBPC - Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência.
   
   

 

 

 


hospedagem
Cyberdesigner:
Magno Urbano