Alexandre Vargas

          PAULO BRITO E ABREU ( convoco, para a Musa minha, o Ás de Ouros ) Alexandre, meu divo, ó Tu…

Luís André Brito e Abreu

PAULO BRITO E ABREU Irmão, germano e mano, mano André, Maninho em alamedas da alegria; Amando ao mel e místico, à Maria, És crístico, eucarístico…

Paulo Brito e Abreu entrevistado

Entrevista de Maria Estela Guedes realizada por e-mail. A tripontuação pertence ao entrevistado. Maria Estela Guedes: Paulo, desde «A minha tropa foram os ‘Rolling Stones’»…

Poetas azuis

PAULO BRITO E ABREU Portugal NOVA FALA DE SHAKESPEARE ENQUANTO CRIANÇA   ( avoco, para a Musa minha, o Ás de Paus ) «Ser génio…

Poemas do Lar

PAULO BRITO E ABREU «POEMAS DO LAR»: REVELAÇÃO E REVOLUÇÃO EM JORGE TELLES DE MENEZES I, A ESTROFE Decaído, dejectado e refusado no mundo, o…

Canção metafísica

PAULO BRITO E ABREU ao Max Heindel ao Percy Bysshe Shelley à Hermética Irmandade dos Amigos da Luz IN HOC SIGNO VINCES Eu vi o…

Cavaleiro do Templo

PAULO BRITO E ABREU CAVALEIRO DO TEMPLO ( invoco, para a Musa minha, o 9 de Copas ) à Maria Azenha ao Jacob Levy Moreno…

Loas e lais a Fernando Pessoa

PAULO BRITO E ABREU ( invoco, para a Musa minha, o Ás de Paus ) I Eu leio, até ao lai, tua Poesia Que legaste…

Veneração

PAULO BRITO E ABREU de todo o coração, ao António Cândido Franco   ( avoco, para a Musa minha, o Ás de Paus )  …