Da poesia, do poeta e do balancé

JOAQUIM SIMÕES Partamos da afirmação de que o poema, de entre todas as formas de interligar palavras em que se exprime a raiz poiética do…

Uma lágrima

JOAQUIM SIMÕES Uma lágrima (poema cantável com o Fado Maria Rita) Para Nicolau Saião   Uma lágrima escondida Num esconso da minha vida Deu por…

Versos em duas línguas

JOAQUIM SIMÕES 1. Dans moi La nuit tremble Embrasse-moi Et fait jouir le vide Qui sauve mes jours   2. Le néant ça veut dire…

Poemas para vinte fados tradicionais

JOAQUIM SIMÕES Nos finais de 2015, durante uma tarde à beira-Tejo com a cantora brasileira Lúcia Helena Weiss, falámos muito das raízes e influências comuns…

Leo

JOAQUIM SIMÕES Tem o cabelo pintado de um sol em negro azeviche, com chamas vermelho-louco de um inferno muito fixe.   Cravou um piercing na…

Postal de Natal

JOAQUIM SIMÕES – Olha, ali, na manjedoura! Pregaram-nos a partida! – – muge a vaca para o burro. – – Há um puto na comida.…