Conversas com Adolfo Bioy Casares

FERNANDO SORRENTINO Conversas com Adolfo Bioy Casares, um dos grandes nomes da literatura argentina Em 1988, durante sete semanas, o escritor Fernando Sorrentino entrevistou Adolfo Bioy Casares, com quem trocou ideias sobre o mundo literário e a história argentina do século 20. Não é de agora que os leitores se interessam pelo que seus autores …

Carta sobre os fogos

NICOLAU SAIÃO Carta sobre os fogos Maria Estela    Escrevo-lhe esta carta, depois de durante um serão e uma manhã de reflexão me ter questionado sob o signo da indignação que a breve trecho se vazou num raciocinado deprezo pelo ambiente de irresponsabilidade e de manipulação que o presente governo, liderado por um indivíduo que …

Visiones de una Poética

RUBÉN SICILIA Visiones de una Poética “El arte es una invitación a imaginarse otra realidad, O sea a criticar y a transformar la existente.” Pensamiento Cultural Europeo. Dos Tomos. Criterios, La Habana 2013                                                                 Eugenio Barba ahora tal vez en el cenit de la experiencia y sabiduría colectada por sus años de recorrido, afirma que …

Currículo de Rubén Sicilia

    Rubén Sicilia. Ciudad de la Habana. 29 noviembre 1963. Director y dramaturgo cubano de ya larga trayectoria y reconocimiento. Dirige actualmente el grupo de pequeño formato Teatro del Silencio, el segundo grupo que funda en su carrera. Una trayectoria de más de treinta años avala su labor. Sus montajes en los últimos años han …

UM LIVRO INDISPENSÁVEL

FREI BENTO DOMINGUES, O.P. Um livro indispensável 1. Que livro é esse que me leva a dizer que é mesmo indispensável? Se tenho de confessar que foi essa a convicção que a sua leitura me impôs, sei que o espaço desta crónica não é o mais adequado para a justificar. A verdade é esta: ajudou-me …

Programas de rádio

PROGRAMAS E CLIPS EM TRIPLOV.COM ÁUDIO: LUAR SANGRENTO, DE FREDERICK BROWN (JAZZ) CONVITE DE MARIA ESTELA GUEDES AOS TRIPLOVES POEMAS Θ  Gledson Sousa – 11.10.2017 MARIA AZENHA – Últimas instruções MARIA JOSÉ CAMECELHA DIZ ALMADA NEGREIROS (1) MARIA JOSÉ CAMECELHA DIZ ALMADA NEGREIROS (2) MARIA JOSÉ CAMECELHA DIZ ALMADA NEGREIROS (3) POEMAS E CANÇÕES Θ Marília …

Epiphanéia

LUÍS COSTA Epiphanéia Prólogo É preciso lutar pelo poema Como quem corta os pulsos e enlouquece. * Escrever um poema será sempre Uma forma de suicídio.   Um poeta não deseja a morte Simplesmente  suicida-se  no poema * É preciso trabalhar o poema Até que a lâmpada se apague   E a página se ilumine …

Informações Bibliográficas

RICARDO DAUNT Informações Bibliográficas Ricardo Daunt é conhecido do leitor português e brasileiro há quase 40 anos. Sua estreia literária deu-se em 1975, quando publicou Juan pela José Olympio. Sua ininterrupta atividade intelectual abarca o ensaio, o conto, a poesia, a novela e o romance. Ricardo Daunt é doutor em Letras com especialização em Literatura …

Ser professor

MARÍLIA LOPES Ser professor Em: TRIPLOV.COM ÁUDIO   Marília Miranda Lopes nasceu no Porto, a 22 de Maio de 1969. Formou-se em Línguas e Literaturas Modernas pela Faculdade de Letras da Universidade da cidade onde nasceu. É professora profissionalizada de Língua Portuguesa do Ensino Secundário e formadora pelo Conselho Cientíco-Pedagógico de Formação Contínua nas áreas …